quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

E sim, também sei valorizar as coisas boas...

Acho que os meus bebés voltaram ao seu estado normal: crianças equilibradas e felizes.
Depois de um período que imagino tenha sido de alguma confusão nas suas cabecitas, as coisas estabilizaram.
E a verdade é que o V. tem contribuído muito para isso.
Tem sido um Pai muito presente, mais disponível, mais atento e preocupado.
E eles sentem isso.
Eu sinto isso.
Tem arranjado tempo para eles onde antes não havia e acho que eles entenderam que o Pai está finalmente com eles.

Como disse num outro post qualquer: A experiência não é o que nos acontece mas o que fazemos com o que nos acontece. Espero que esta tenha valido para alguma coisa…

Nota final: Sei que não é fácil lidar com a minha necessidade, com a minha exigência de perfeição. Sei que não é fácil estar à altura das minhas expectativas. Provavelmente sou exigente demais. Mas, provavelmente também, basta um pequeno esforço para lá chegar…