segunda-feira, 23 de março de 2009

Verdade verdadinha!


Ora aqui está! Só quem sabe onde prefere estar, pode deixar o que tem.

E para se estar onde se prefere, é preciso luta. É preciso empenhamento de corpo, de alma e coração. Uma decisão completa. A nao ser assim, lá teremos de ficar onde estamos, porque não merecemos mais.

E mai nada, minhas senhoras e meus senhores!