quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Noite de reis


Como hoje é dia 07 já posso falar sobre a noite de reis.
A noite de reis é uma festa a que nem toda a gente em Portugal dá importância. Eu confesso que nunca dei muita até começar a festejá-la em casa dos tios M. e G, tios do V., desde há muito anos.
Era assim uma espécie de segundo natal, mas a meio da semana, depois de um dia de trabalho, sem nenhuns stresses associados, de comidas ou de compras, que sabia sempre tão bem…
Este ano, por razões óbvias, não fui.
E tenho muita pena.
Porque gostava mesmo daquelas noites de reis. E porque gosto mesmo muito dos Tios M. e G. que, apesar de não serem meus de sangue, são de coração e, diga-se a verdade, da família mais próxima que tenho.
Sei que também gostam muito de mim. Os laços de coração nao se quebram com papeis...
E, para me compensarem, já me convidaram para lá ir jantar este próximo sábado…
Mas já não é noite de reis e essa magia ficou perdida algures no inicio de 2009…
Com muitas saudades. Sempre.