sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Todos diferentes, todos iguais


A propósito de uma historia que estava a contar aos miúdos que tinha um burro albino, voltei a falar aos meus filhos nas diferenças entre os animais, passando depois disso para a diferença entre os meninos, que não são todos iguais e têm cor de pele diferentes.
Então, perguntei eu ao M.:
- Por exemplo, M., tu conheces algum menino castanhinho?
- não, mãe. Por acaso não conheço. Mas conheço um escuro!

Ora… eufemismos para quê?